fbpx

Wi-Fi 6, Wi-Fi 6E e Wi-Fi 7 entenda o que são

Você já ouviu falar sobre Wi-Fi 6 e 6E ou até mesmo 7? Sabia que existem várias gerações que estão constantemente evoluindo, para que possamos ter um serviço cada vez melhor?

Vem com a gente aqui no Blog do SemSenha que vamos te atualizar nas notícias mais recentes sobre a tecnologia Wireless.

O que é?

O Wi-Fi 6 é a última geração em funcionamento na atualidade. Como assim? Desde a sua criação a conexão wireless vem sendo melhorada e desenvolvida, tendo passado pelas seguintes gerações:

  • Wi-Fi 1: 802.11b
  • Wi-Fi 2: 802.11a
  • Wi-Fi 3: 802.11g
  • Wi-Fi 4: 802.11n
  • Wi-Fi 5: 802.11ac
  • Wi-Fi 6: 802.11ax
  • Wi-Fi 6E: também 802.11ax, com alguns adendos que explicaremos ao longo do texto.

Hoje, o 6 e 6E são os mais avançados, permitindo conexões rápidas e mais eficientes.

Wi-Fi 6 Vantagens

O Wi-Fi 6 foca em um desempenho melhor em ambientes com muitos aparelhos conectados. Provavelmente você já passou por situações em que vários parentes ou amigos estão conectados na mesma rede, o que torna o desempenho da internet péssimo para todos, certo?

Pois bem, o Wi-Fi 6 promete resolver esse problema, através de tecnologias como MU-MIMO (Multiple Input, Multiple Output ou Múltiplas Entradas/Múltiplas Saídas) e OFDMA (Orthogonal Frequency Division Multiplexing/Multiple Access ou, em português, Multiplexação por Divisão de Frequências Ortogonais). Por meio dessas, é possível a entrega de diversos dados simultâneos ao roteador, o que não acontecia no Wi-Fi 5 e eliminaria lags na hora de utilizar a internet.

Além disso, enquanto o Wi-Fi 5 suportava 3,5 GB/s de velocidade, o Wi-fi 6 suporta até 9,6 GB/s, mais que o dobro do anterior. Ele também conta com protocolo de segurança WPA3, atualmente o mais avançado, que confere melhor proteção contra invasões de rede, principalmente em redes sem senha.

Wi-Fi 6 ilustração 2

 

O que muda para o Wi-Fi 6E?

O Wi-Fi 6 é programado para trabalhar em faixas de 2.4 GHz e 5 GHz, já o Wi-Fi 6E pode funcionar em faixas de 6 GHz.

Mas o que essas faixas significam? As principais diferenças entre as ligações 2,4 GHz, 5 GHz e 6 GHz são a velocidade e o alcance. Essa novidade irá diminuir problemas de congestionamento na hora da utilização da internet. A intenção é melhorar a condição das redes em situações de alta demanda, como em streamings e em jogos online, que só funcionam com alta performance da rede.

Como faço para usufruir desses benefícios?

Bom, agora que já entendemos o que é, como utilizar?

Para ter acesso ao Wi-Fi 6 é necessário que o seu roteador e os seus aparelhos possuam essa tecnologia ou sejam compatíveis, o que, por ser recente, ainda é relativamente caro.

Mesmo essa tecnologia tendo sido oficialmente lançada em 16 de setembro de 2019, o Wi-Fi 5 ainda é o mais utilizado na maioria dos locais, com exceção dos telefones celulares, que já estão implementando a tecnologia Wi-Fi 6 e 6E.

Dessa maneira, é natural que os preços diminuam com a popularização do Wi-Fi 6 e 6E, que, em breve, será dominante no mercado.

O que mais vem por aí? Wi-Fi 7?

Já se ouve falar do Wi-Fi 7, que promete potencializar e melhorar as diversas novas funções do seu antecessor, mas sem mudanças radicais. Entretanto, a finalização do seu protocolo está para aproximadamente 2024, demorando alguns anos para a posterior implementação e popularização. Nesse sentido, ainda temos muito tempo pela frente com o Wi-Fi 6 e 6E!

 

E aí? Gostou desse conteúdo? Fique ligado aqui no Blog do SemSenha ou entre em contato conosco!

Como anda o marketing Wi-Fi do seu negócio?

Nós podemos melhorar seu marketing, o relacionamento com seus clientes e te ajudar a vender mais. Preencha o formulário ao lado que um de nossos especialistas irá lhe retornar.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima